Educação de Adultos – Boletim E-CNE nº 14

Acaba de ser publicado mais um número do boletim eletrónico do Conselho Nacional de Educação,  E-CNE nº14 ,  que é completamente dedicado à Educação de Adultos. No seu editorial, Ana Maria Bettencourt, Presidente do CNE,  considera que esta área é decisiva para o desenvolvimento do país, para o aumento dos níveis de empregabilidade e realização das pessoas. Completam este boletim artigos de Carmen Cavaco, Ana Canelas, Ana Cláudia Valente, Arsélio Pato de Carvalho e Telma de Mattos Ruas.

(clique na imagem e aceda ao documento)

Posted by, Rosário Santos

O Estado da educação e a qualificação dos Portugueses em análise

 
O Conselho Nacional de Educação publicou na sua página, um relatório sobre o Estado da Educação e a Qualificação dos Portugueses em 2011.
 
Este extenso documento é um retrato da Educação em Portugal, do pré-escolar ao ensino superior, com especial incidência na problemática da qualificação. Analisa a evolução da qualificação dos portugueses, nomeadamente na última década, identificando problemas, avanços e desafios.  Finaliza com a apresentação de recomendações dirigidas às autoridades educativas.
 
 Clique  na imagem para aceder ao documento
 
 Marília Teixeira 

“O aumento das competências educativas das famílias: um efeito dos Centros Novas Oportunidades” – Livro a consultar

Numa iniciativa da ANQ (Agência Nacional para a Qualificação), foi editada e disponibilizada por esta entidade, em versão e-book, o livro “O aumento das competências educativas das famílias: um efeito dos Centros Novas Oportunidades“.

Esta obra, coordenada pela docente da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Coimbra, Dr.ª Lucília Salgado, resulta de um “estudo que se inicia com uma hipótese: até que ponto a formação efetuada nos Centros Novas Oportunidades, através de processos de reconhecimento, validação e certificação de competências (RVCC), desenvolve um projeto de vida nos filhos dos formandos destes mesmos processos que passe pela escolarização e que facilite o desenvolvimento da literacia familiar?”

“Este  estudo vem demonstrar que a realização de processos de RVCC por parte dos pais tem conduzido ao desenvolvimento de um maior interesse pelo estudo dos seus filhos, a um maior envolvimento nas suas aprendizagens, bem como a uma relação mais adequada com a escola e com os professores dos mesmos. Além disso, estes pais tornaram-se leitores mais assíduos, desenvolveram a prática de leitura com os filhos em tarefas escolares, do quotidiano ou em atividades lúdicas e de lazer, influenciando o aumento dos níveis de literacia familiar e promovendo condições facilitadoras do sucesso escolar das crianças.”

Consulte aqui esta obra.

Posted by Rosário Santos

Foi recentemente elaborado um RELATÓRIO, “Adultos em Educação Formal: Politicas e Práticas na Europa”  na sequência do Plano de Ação para a Educação de Adultos “É sempre um bom momento para aprender” (Comissão Europeia, 2007).

O documento inclui análise de dados estatísticos relacionados com os níveis de escolaridade da população europeia e com a participação dos adultos na educação e formação e também clarifica os conceitos de educação formal de adultos e de formação.

O relatório Eurydice reflete sobre várias questões-chave enfrentadas pelos países europeus, tais como:

  • Como é que os sistemas nacionais proporcionam aos adultos oportunidades de dar “um passo mais à frente” e melhorar os seus níveis de escolaridade;
  • Como enfrentam desafios muito diferentes para melhorar o nível educacional da sua população adulta;
  • Em que medida são garantidas oportunidades de aprendizagem flexível para aqueles que retomam a educação formal;
  • Que estratégias são postas em prática a fim de incentivar os adultos a retomar o ensino superior;
  • Que medidas financeiro apoiam a participação dos adultos na educação formal e formação.
Pode aceder ao documento em inglês:
Adults in Formal Education: Policies and Practice in Europe
E em francês:
L’éducation formelle des adultes en Europe: politiques et mise en oeuvre
Fonte: Direito de Aprender
 
Posted  by Rosário Santos

“A Educação de Adultos: uma dupla oportunidade na família”

 A merecer destaque a publicação intitulada, “ A Educação de Adultos: uma dupla oportunidade na família”, coordenada por Lucília Salgado, investigadora e docente na Escola Superior de Educação de Coimbra (ESEC), que reúne as comunicações apresentadas no I Encontro Internacional de Literacia Familiar, realizado em Novembro de 2009, nas instalações da ESEC.

Sob o tema “As novas potencialidades da educação de adultos na construção do sucesso escolar dos filhos”, esta investigadora apresenta as problemáticas que considera estarem na génese do insucesso escolar das crianças à entrada para o ensino básico, destacando, neste âmbito, a construção da hipótese de que através da educação de adultos (nomeadamente através do processo de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências) será possível criar condições de base para o sucesso das crianças a partir da altura em que estas, ainda jovens, iniciam o seu percurso escolar.

Importa salientar, que esta obra encontra-se dividida em três partes:

  • 1 – A Génese do (In) sucesso Escolar: na escola e na família

Estão aqui compiladas as apresentações de vários autores que participaram no Encontro supra referido e que, partindo de uma perspectiva histórica, evocam a escolaridade tardia como uma das razões que explicam os baixos níveis de competências escolares das famílias portuguesas quando comparadas com as dos países considerados desenvolvidos. Para além disso, são ainda evidenciados, nesta primeira parte da publicação, o modo como a literacia na família é portadora de potencialidade da aprendizagem da leitura e da escrita nas crianças, os tipos de motivação, numa perspectiva Piagetiana, para a leitura e escrita e o modo como se desenvolvem as condições prévias para a sua aprendizagem no interior da família.

  • 2 – A Construção do Sucesso Escolar

Neste capítulo  são dados a conhecer dois projectos realizados em Portugal que visam, através da promoção de competências de literacia junto dos pais e dos seus filhos, dar resposta ao insucesso escolar: “Envolver a família no e através do Programa Nacional do Ensino do Português (PNEP)” e “A Ler Vamos?: Um projecto da Câmara Municipal de Matosinhos”.

  • 3 – O Projecto de Escolarização para os Filhos e a Literacia Familiar: contexto e práticas

Nesta última parte, são apresentados textos que incidem sobre a importância da educação de adultos, nomeadamente do processo de RVCC desenvolvido nos Centros Novas Oportunidades, que facilita e potencia a introdução de hábitos e práticas de leitura e de escrita na família, duas vertentes fundamentais na aprendizagem da linguagem escrita no início da escolaridade. A isto se junta a tentativa de compreender se o adulto que realizou um processo de RVCC modifica a sua interacção com os filhos e em que medida as novas competências e conhecimentos adquiridos permitem que os pais incutam nos filhos valores que passem pela vontade e interesse pela escolarização.

Fonte: Newsletter Novas Oportunidades nº 24

 

Posted by, Rosário Santos