Guia do Consumidor

Ainda na senda do consumismo, é bom salientar  que numa cadeia económica o consumidor é quase sempre o elo mais fraco. Hoje em dia a oferta é de tal maneira  vasta, influente e  persuasiva que o  consumidor resigna-se facilmente face ao excesso de informação, terminologias complexas ou desconhecimento da lei. Outras vezes, rende-se, perante uma avalanche de publicidade consumista, que o orienta para um consumo excessivo, desnecessário e prejudicial.

O que nem sempre sabemos é que a lei prevê medidas de protecção e direitos compensatórios para atenuar a condição desfavorável do consumidor e que a informação é um direito adquirido.

Poderá encontrar informação útil neste pequeno Guia editado pela Direcção Geral do Consumidor sobre os direitos que temos quando realizamos actos de consumo: comprar casa ou carro, viajar, ir às compras, etc. Este Guia procura também orientar o consumidor sobre o que fazer em caso de conflito.

________________________________

Um possível recurso  no âmbito da Sociedade Tecnologia e Ciência ( STC),  que pode ser explorado no núcleo gerador UC1 – Equipamentos e Sistemas Técnicos no tema,

  •  UC1 – 3 – Utilizadores, Consumidores e Reclamações.
Posted by, Rosário Santos